26 de outubro de 2009

Amapá finalmente tem curso de Medicina

O Amapá, a partir de 2010, vai ser o último Estado brasileiro a contar com um curso de medicina, diz o Diário do Amapá, http://www.diariodoamapa.com.br/, de Macapá, 340 mil habitantes. O curso será dado pela Universidade Federal do Amapá. Eu confesso que não sabia que nem todos os Estados brasileiros possuíam médicos formados segundo as características regionais. - Renato Pompeu

2 comentários:

Carlos disse...

Eu também não sabia. Será que existe uma faculdade de medicina em Roraima? Não sei. Acho bom que haja em todos os Estados e que sejam públicas.Então teríamos um cenário onde, em tese, os profissionais médicos fossem afeitos às características humanas, geográficas e epidemiológicas de uma determinada região, num país tão vasto como o nosso. O problema todo começa com a fixação desse profissional nessa região onde construiu sua formação.Existe forte tendência a emigração para o Sudeste e, numa República Federativa como a nossa, é ilegal o impedimento para tal.Cabe ao Estado promover políticas próprias com remuneração digna.
Carlos.

Renatão Pompeu disse...

sobre medicos eu tambem nao sabia, mas estive la em 2003, num encontro de comunidades negras, muito interessante, eles tem uma praça de eventos consquistada pelos descendentes negros na base da passeata, panelada e pancadaria. So nao tive tempo de desvendar outro misterio do Amapa, pelo menos da capital, Macapa: o fato de quase todo mundo ser flamenguista. Mas tive uma pista: os escravos cariocas vindos em antanho para construção de um forte. Precisa apurar, né? abs do Zibordi